Login/Registo de membros

Últimas mensagens de: prof AEC

Olá, Visitante. Por favor Entre ou Registe-se se ainda não for membro.
Perdeu o seu e-mail de activação?

Entrar com nome de utilizador, password e duração da sessão

 
Pesquisa avançada

176182 Mensagens em 14629 Tópicos- por 49342 Membros - Membro Mais Recente: jorgeMNS

Outubro 22, 2014, 04:23:03
  Ver Mensagens
Páginas: [1]
1  * Educação Pré-Escolar e 1º ciclo / 1º ciclo / Re:Remuneração professores das AECs - indice 151 em: Maio 28, 2012, 01:34:25
Diz na Constituição da Républica Portugues, e no Código do Trabalho que: "para trabalho igual salário igual".
Se para DAR AULAS de AECs temos de ter habilitação para a docência, então nós somos PROFESSORES, ora se somos Professores temos de ter os mesmos direitos, liberdades e garantias dos restantes profesóres que não são das AECs, conforme garantido pela CRP.
Por outro lado diz no código do trabalho que o empregador não pode discriminar os seus empregados, ora se em última análise o empregador dos professores das AECs é o Estado, ele não pode permitir que uns recebam a recibos verde e outros a contrato nem a valores diferentes.
Tudo isto está previsto nas vária leis, DL, Constutição etc. mas muitas vezes não é cumprido, como todos sabemos. E só recorrendo aos tribunais é que vamos conseguir que nos atribuam o nosso real valor, e que nos passem a considerar PROFESSORES de verdade.
Enquanto ninguém fizer nada, e continuarem conformados no sofá a lamentarem a situação, nada vai mudar.
Não podemos permitir que nos continuem a tratar como professores de segunda. 

Reivindiquem os vossos direitos se querem um futuro melhor
2  * Educação Pré-Escolar e 1º ciclo / 1º ciclo / Re:Remuneração professores das AECs - indice 151 em: Maio 21, 2012, 02:06:17
Mas eu já tinha recebido pelo indice 151 em 2006/2007 numa contratação pelo ME
3  * Educação Pré-Escolar e 1º ciclo / 1º ciclo / Re:Remuneração professores das AECs - indice 151 em: Maio 21, 2012, 01:54:42
Eles estão a pagar pelo indice 126 (base 1145,79E) quando se eu sou licenciada Profissionalizada deveria receber pelo 151 (base 1373,13)
4  * Educação Pré-Escolar e 1º ciclo / 1º ciclo / Remuneração professores das AECs - indice 151 em: Maio 21, 2012, 01:02:42
Serve o presente tópico para comunicar a todos os professores das AECs e demais interessados, que eu ganhei uma acção judicial contra a autarquia que me contratou como professora de AEC.
Na mesma eu contestava a realização de componente não letiva e o indice remuneratório pelo qual era paga.
O coletivo de juizes do tribunal administrativo e fiscal do porto deliberou que eu estou a desempenhar funções análogas à função docente, motivo pelo qual me tem de ser aplicado o Estatuto da Carreira Docente. Logo sou obrigada a realizar componente letiva e não letiva. Por este mesmo motivo a minha remuneração tem também de ser de acordo com a portaria 1046/2004 de 16 Agosto, Anexo II, para professores licenciado profissionalizado aplica-se o indice 151.
Considero que esta sentença é o primeiro passo para que reconheçam os professores das AECs como professores de pleno direito e com as mesmas condições dos restantes pares.
Não sei se mais algum professor das AECs teve a ousadia de recorrer aos tribunais para defender os seus direitos, porque, pelo que me informou o meu advogado se existirem mais de 3 sentenças favoráveis à mesma reivindicação a lei tem de ser alterada.

 
5  * A falar é que a gente se entende / Geral / Re:Façam aqui a vossa apresentação, por favor. em: Outubro 28, 2009, 12:33:23
Prof Aec Matosinhos
Dou AEC desde 99 e isto cada vez está pior
Gosto do que faço mas vou começar a concorrer a ofertas de escola mais variadas porque as condições para os prof AECs estão miseráveis.
Vou ser forçada a fazer o q~ue gosto menos, dar aulas ao secundário, exclusivamente pelo dinheiro e pela contagem de tempo de serviço. Tenho pena
6  * Direitos e deveres / Sindicatos / Re:SPN critica Actividades de Enriquecimento Curricular em: Outubro 28, 2009, 12:24:33
Permitam-me prestar o meu testemunho.
Dou aulas de Actividades Extra/Enriquecimento a alunos do 1º ciclo desde 1999. E só nos últimos 2,3 anos é que se começou a pôr em questão a realização destas actividades. Olhando para trás e analisando estes últimos 10 anos, acho que existem 2 factores que fazem com que as AECs estejam cada vez mais desprestigiadas.
1º- Até à 3 anos atrás as actividades eram realizadas dentro do horário curricular da turma, em substituição do professor. Como toda a gente sabe o ensino do 1º ciclo é feito em mono docência, pelo que o professor da turma deveria estar habilitado para leccionar todas as áreas do programa. Porém algumas autarquias interessadas e empenhadas na formação das suas crianças, começaram a contratar estudantes universitários do concelho, para leccionarem algumas áreas programáticas do 1º ciclo, em substituição do professor da turma.
 Até aqui tudo bem. O professor da turma tinha o seu horário, das 9h às 15,30h, e 2 a 3 vezes por semana aparecia alguém que ficava com a sua turma, podendo este chegar mais tarde, sair mais cedo, ir às compras, etc. Nessa altura ninguém estava contra este tipo de actividades, acontecessem estas de manhã, de tarde ou à hora do almoço.
Com a implementação da escola a tempo inteiro tudo mudou. Se os alunos têm actividades de manhã ficam desconcentrados e já não aprendem nada o resto do dia, a seguir ao almoço é impensável, porque senão o professor titular fica com um furo de 45 ou 90min e não pode ser. Se forem ao fim do dia os professores queixam-se que os alunos estão tão ansiosos e excitados pela aula de AEC que passam o dia todo distraídos. Ora à 4, 5 anos nada disto acontecia.
2º- Atribuição de financiamento às autarquias para a implementação das AECs.
Quando comecei, em 99, trabalhava 6 meses, tinha um contrato de trabalho, não tinha direito a subs. de férias, natal ou alimentação, não contava tempo de serviço, mas tinha direito a fundo de desemprego no final do contrato, e ganhava 2.000$00 líquidos por hora de aula (hora de 45min). Ora isto foi à DEZ anos atrás. Neste momento o estado financia as autarquias em milhares de euros por ano e cada uma faz o que quer. Onde estou neste momento o nosso vencimento é de cerca de 10euros ilíquidos por hora (de 60min diz a câmara), como as aulas são de 45 ou 90min, temos de compensar o remanescente com vigilância de todos os recreios antes e depois das nossas aulas. Querem-nos comparar aos professores do 1º ciclo, por isso atribuem-nos uma componente não lectiva, obrigatória mas não remunerada onde temos de fazer tudo que o coordenador considere importante na escola, desde substituir professores titulares quando faltam, auxiliar na cantina, vigiar os portões (qualquer dia põem-nos uma esfregona na mão), somos obrigados a frequentar reuniões fora do nosso horário, que também não são remuneradas. Tudo isto por nem 800euros mensais (num horário de 20h lectivas) que no final do ano contam 126 dias de tempo de serviço, num contrato de dez meses.
O que faz a autarquia ao dinheiro que vem do estado? Não sei mas não vai para os professores.
Esta é a realidade de quem optou por deixar de concorrer pela DGRHE para o secundário por dar aulas no 1º ciclo e que o fez por considerar ser essa a sua vocação. Mas obrigam-nos a escolher entre dar aulas ao secundário por obrigação (por se ter melhores condições de vencimento e tempo de serviço) ou dar aulas de AEC onde considero ser melhor profissional e ter mais vocação.
Esta é a realidade que desmotiva os professores das AECs que se aplicam todos os dias para serem bons profissionais e que lutam contra todos, tentado demonstrar o seu valor e a importância dos conteúdos que ensinam.
7  * Educação Pré-Escolar e 1º ciclo / 1º ciclo / Re:AECs Reflexão em: Outubro 28, 2009, 12:23:04
Permitam-me prestar o meu testemunho.
Dou aulas de Actividades Extra/Enriquecimento a alunos do 1º ciclo desde 1999. E só nos últimos 2,3 anos é que se começou a pôr em questão a realização destas actividades. Olhando para trás e analisando estes últimos 10 anos, acho que existem 2 factores que fazem com que as AECs estejam cada vez mais desprestigiadas.
1º- Até à 3 anos atrás as actividades eram realizadas dentro do horário curricular da turma, em substituição do professor. Como toda a gente sabe o ensino do 1º ciclo é feito em mono docência, pelo que o professor da turma deveria estar habilitado para leccionar todas as áreas do programa. Porém algumas autarquias interessadas e empenhadas na formação das suas crianças, começaram a contratar estudantes universitários do concelho, para leccionarem algumas áreas programáticas do 1º ciclo, em substituição do professor da turma.
 Até aqui tudo bem. O professor da turma tinha o seu horário, das 9h às 15,30h, e 2 a 3 vezes por semana aparecia alguém que ficava com a sua turma, podendo este chegar mais tarde, sair mais cedo, ir às compras, etc. Nessa altura ninguém estava contra este tipo de actividades, acontecessem estas de manhã, de tarde ou à hora do almoço.
Com a implementação da escola a tempo inteiro tudo mudou. Se os alunos têm actividades de manhã ficam desconcentrados e já não aprendem nada o resto do dia, a seguir ao almoço é impensável, porque senão o professor titular fica com um furo de 45 ou 90min e não pode ser. Se forem ao fim do dia os professores queixam-se que os alunos estão tão ansiosos e excitados pela aula de AEC que passam o dia todo distraídos. Ora à 4, 5 anos nada disto acontecia.
2º- Atribuição de financiamento às autarquias para a implementação das AECs.
Quando comecei, em 99, trabalhava 6 meses, tinha um contrato de trabalho, não tinha direito a subs. de férias, natal ou alimentação, não contava tempo de serviço, mas tinha direito a fundo de desemprego no final do contrato, e ganhava 2.000$00 líquidos por hora de aula (hora de 45min). Ora isto foi à DEZ anos atrás. Neste momento o estado financia as autarquias em milhares de euros por ano e cada uma faz o que quer. Onde estou neste momento o nosso vencimento é de cerca de 10euros ilíquidos por hora (de 60min diz a câmara), como as aulas são de 45 ou 90min, temos de compensar o remanescente com vigilância de todos os recreios antes e depois das nossas aulas. Querem-nos comparar aos professores do 1º ciclo, por isso atribuem-nos uma componente não lectiva, obrigatória mas não remunerada onde temos de fazer tudo que o coordenador considere importante na escola, desde substituir professores titulares quando faltam, auxiliar na cantina, vigiar os portões (qualquer dia põem-nos uma esfregona na mão), somos obrigados a frequentar reuniões fora do nosso horário, que também não são remuneradas. Tudo isto por nem 800euros mensais (num horário de 20h lectivas) que no final do ano contam 126 dias de tempo de serviço, num contrato de dez meses.
O que faz a autarquia ao dinheiro que vem do estado? Não sei mas não vai para os professores.
Esta é a realidade de quem optou por deixar de concorrer pela DGRHE para o secundário por dar aulas no 1º ciclo e que o fez por considerar ser essa a sua vocação. Mas obrigam-nos a escolher entre dar aulas ao secundário por obrigação (por se ter melhores condições de vencimento e tempo de serviço) ou dar aulas de AEC onde considero ser melhor profissional e ter mais vocação.
Esta é a realidade que desmotiva os professores das AECs que se aplicam todos os dias para serem bons profissionais e que lutam contra todos, tentado demonstrar o seu valor e a importância dos conteúdos que ensinam.
8  * Educação Pré-Escolar e 1º ciclo / 1º ciclo / Re:Actividades de Enriquecimento Curricular em: Outubro 18, 2009, 10:24:04
Que documentação te pediram? Registo criminal, declaração robustez, boletim vacinas, etc? A mim também pediram e o contrato não é até ao final de Agosto (é menos tempo), e não comecei a 1 de Setembro também.

O meu contrato é "por tempo determinado - termo resolutivo a tempo parcial" e o teu?

O meu contrato ainda não é.
Uma vez que já estou a trabalhar desde 14 de setembro e ainda nem sequer foi publicada a lista definitiva homolgada!!!
Estou-me é a referir ao despacho de 3 de setembro.
Mas o contrato pode ser até 31 de agosto e entretanto haver novo concurso e assinar-se outro no início de setembro. Como na DGRHE
9  * Educação Pré-Escolar e 1º ciclo / 1º ciclo / Re:Actividades de Enriquecimento Curricular em: Outubro 16, 2009, 11:59:30
Decreto-Lei n.º 212/2009
de 3 de Setembro

Artigo 4.º
Objecto e duração do contrato

2 — O contrato de trabalho a termo resolutivo tem a
duração mínima de 30 dias caducando no termo do ano
escolar a que respeita.

De acordo com este despacho do ME, os contratos dos prof. AECs termina no termo do ano escolar, ora ano escolar é de 1-9 a 31-8, logo, como a monha câmara já me está a pedir documentação que só está prevista neste diploma, então presumo que também me irão aplicar a duração do contrato.
Assim assumo à partida que o meu contrato terminará a 31 de Agosto
10  * Direitos e deveres / Legislação / Contratos AECs 2009/2010 em: Outubro 16, 2009, 11:54:09
Tenho uma dúvida

O ano escolar´começa a 1 de setembro e termina a 31 de agosto. Certo?

Pergunto porque de acordo com:

Decreto-Lei n.º 212/2009, de 3 de Setembro

Artigo 4.º
Objecto e duração do contrato

2 — O contrato de trabalho a termo resolutivo tem a
duração mínima de 30 dias caducando no termo do ano
escolar
a que respeita.

Ora se a Câmara onde estou a trabalhar já me está a pedir documentação que só é prevista neste despacho, então a duração do contrato também tem de ser o previsto no mesmo. Certo?
11  * Educação Pré-Escolar e 1º ciclo / 1º ciclo / Re:Actividades de Enriquecimento Curricular em: Outubro 15, 2009, 12:22:21
Eu até já tive em escolas em que tinha de vigiar o intervalo, é mais que justo ser 1h, pois ou se nada em transição de escola nesse espaço de tempo,ou tem de se ficar a vigiar o intervalo.

Vou ter de colocar a questão ao sindicato.

Está tudo explicado aqui http://www.drealentejo.pt/upload/ESCLARECIMENTO_CONT_TEMPO_%20AEC_B07046664F-2007.pdf
12  * Educação Pré-Escolar e 1º ciclo / 1º ciclo / Re:Actividades de Enriquecimento Curricular em: Outubro 14, 2009, 11:58:50
CM Matosinhos

Venho expôr o que se passa em matosinhos para saber se é igual ao resto do país.

9/9 Sai a lista unitária (provisória e com erros)
10/9 Telefonam aos professores para os convocarem para no dia 11 escolherem horários
11/9 Escolhemos horários
14/9 Começamos a dar aulas

Pergunto:
E o prazo da participação de interessados?
E o prazo de resposta às participações?
E a homolgação das Listas corrigidas?

Estamos em escolas a dar aulas que se calhar não são as que nos seriam atribuidas com uma lista de ordenação diferente.
Podemos estar com menos horas do que aqueles que seriam nossas por direito.
Quando vão corrigir a situação???

No nosso hórário aparecem as horas lectivas, mas só vem escrito o n.º de horas total. Ora hora lectiva e hora (de 60m) são coisas muito diferentes. A CMM diz que nos paga 60m por isso temos de vigiar todos os recreios antes e depois das nossas aulas (por causa do remanescente!!!!)

Como dizem eles, querem-nos equiparar aos professores do 1º cíclo por isso incluiram nos nossos horários a componente não lectiva, com trabalho de escola e trabalho individual!!!! Temos de fazer substituições de colegas que faltem!!!

1º Num contrato de 10 meses contam-me 3 ou 4 de tempo de serviço
2º Nas colocações da DGRHE já estava a ganhar por um índice superior e na CMM só me querem pagar pelo 126

por Tudo isto nunca nos poderão equiparar aos professores do 1º ciclo nem obrigar a desempenhar funções equivalentes.

stou agora à espera da homolgação da lista e ver se existem alterações na ordenação, pq se existirem vão ter de rectificar os erros.

Não sei se isto está a acontecer em mais alguma autarquia mas aqui está o meu testemunhos






13  * Educação Pré-Escolar e 1º ciclo / 1º ciclo / Re:Expressão e educação físico-motora em: Setembro 23, 2009, 11:37:19
Tens aqui o programa em que me baseio
Não está formatado
mas tem sido muito útil

Páginas: [1]

Sala Dos Professores criada em 15 de Novembro de 2003
Todos os logos e trademarks neste site são propriedade do seu respectivo dono. Os comentários são propriedade e da responsabilidade
de quem os põe, tudo o resto Copyright © 2003 Sala dos Professores. Para qualquer assunto, por favor, contactar o Administrador.

RocketTheme Joomla Templates